A procura por emoções


Posso dizer que a fotografia me fez mais emocional do que sempre fui.
Acho que a arte tem dessas coisas.
Ando percebendo que a cada evento, cada ensaio, cada clique anda vindo para mim com uma carga sentimental muito grande. O número de fotografias dramáticas, alegres ou simplesmente emocionantes de alguma forma, vem aumentando no meu trabalho, principalmente em casamentos.
Talvez tenha a ver com o meu momento, talvez eu esteja me encontrando em um estilo só meu, ou ainda, quem sabe, eu apenas ando percebendo mais esses momentos que duram segundos e que eu posso eternizar.

Pensando nisso eu quis selecionar os últimos trabalhos que fiz e que foi quando percebi essa minha procura por emoções.
Como capturar um sentimento? Algo tão abstrato pode ser visto e sentido de forma subjetiva, mas às vezes é possível deixar bem claro, estampado em um rosto ou num conjunto de formas, cores e gestos.

Com vocês a alegria, a tristeza, a euforia, a dor, a perda, a conquista, o amor, o desapego, o orgulho, a ansiedade, o alívio, o ser humano:


"O que vai ficar na fotografia são os laços invisíveis que havia"

4 comentários

  1. chorei :')
    como tu põe essa música de legenda ainda? aff. rssssss

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Arrepiei ! Lindas lindas lindas demais suas fotografias. Estou apaixonada. E linda também essa música que eu não conhecia ainda. Amei !

    ResponderExcluir